sábado, 3 de dezembro de 2011

DIA INTERNACIONAL DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA


         Tu sabias que na data de hoje é dedicada a esta causa especial?


      Em 1998 a Organização das Nações Unidas (ONU) instituiu o 3 de dezembro como dia internacional das pessoas com deficiência. O objetivo da comemoração é provocar a reflexão sobre as questões relacionadas à deficiência e buscar a inclusão dos deficientes na sociedade. Ainda, objetiva promover maior compreensão dos assuntos pertinentes à deficiência e para mobilizar a defesa da dignidade, dos direitos e do bem-estar das pessoas.
  
       Se para pessoas sem qualquer limitação o cotidiano é desafiador, imagine para aquelas que precisam desafiar seus limites diante a ausência da adaptação necessária no que pertine a mobilidade, a inserção cultural, entre outras. Os portadores de necessidades especiais são cidadãos, merecem nosso respeito e que pugnemos por esta causa!

     Aproveitemos esta ocasião para refletirmos e nos engajarmos nesta causa, que sem dúvida alguma é um dever de todos! A transformação de nossa sociedade em mais justa, mas equânime, depende da atuação de cada um de nós!

        Então, vamos fazer nossa parte?

       Um super finalzinho de sábado a todos!

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Tirinha do Sávio - Eita grossura


Para uma sexta feira de bom humor! 







Um ótimo dia a todos! :)

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Postagem especial - Elis Regina Bürgel 1ª Prenda da CBTG


Hoje trazemos ao nosso Blog uma convidada mais que especial! Confira o quem é e o que ela nos traz!




Caros amigos tradicionalistas...


Nos dias 25 e 26 de novembro, a cidade de Canoas, no Rio Grande do Sul, foi palco do 14º Concurso Nacional de Peões e Prendas. Este envolveu peões e prendas dos estados de Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Mato Grosso.
Falando em nome do meu estado de origem, Santa Catarina, primeiramente externar meu orgulho de poder representá-lo. Orgulho que só aumenta, em saber que fomos o estado com o maior número de concorrentes no concurso da CBTG, com um total de seis. Destes, alcançamos cinco primeiros lugares e um segundo.
Todo esse trabalho, só foi possível pela dedicação de cada um, o apoio fundamental de suas famílias, suas entidades, e principalmente da 12ª Região Tradicionalista, a qual todos os candidatos pertencem. Sem esquecer de agradecer nosso MTG, que possibilitou nossa viagem até Canoas.
Em nome de todos esses catarinense, peões e prendas da CBTG, gestão 2012-2014, gostaríamos de deixar nosso fraterno abraço a vocês, peões e prendas do Rio Grande do Sul, que com certeza aqui estão fazendo um ótimo trabalho de divulgação da nossa cultura.
Os catarinenses no concurso da CBTG assim ficaram classificados:

1ª Prenda Mirim: Laísa Langhinoti – CTG Herança Gaúcha/ Chapecó
2º Peão Juvenil: Rodrigo do Rosário – CTG Herança Gaúcha/ Chapecó
1º Peão Veterano: Sélio Hack – CTG Coxilha do Quero-Quero/ Chapecó
1ª Prenda Veterana: Suzana Xavier – CTG Herança Gaúcha/ Chapecó
1º Peão: Odair José Carminatti – CTG Querência Farroupilha/ Abelardo Luz
1ª Prenda: Elis Regina Bürgel – CTG Herança Gaúcha/ Chapecó


O trabalho começa agora, e contamos com o apoio de todos vocês, assim como podem contar conosco.
Com carinho,

Elis Regina Bürgel – 1ª Prenda da CBTG 2012-2014

Agradecemos a colaboração da Prenda Elis Regina e desejamos toda a sorte e sucesso para essa nova Gestão da CTBG!


terça-feira, 29 de novembro de 2011

Por um Natal mais Solidário


Caros Amigos


Pouco faço uso de nosso Blog para postagens de experiências pessoais, mas essa não pude "guardar para mim"! Aproveito esse espaço que mais que Tradicionalista é também cidadão - para divulgar uma prática que nem todos conhecem: A doação de Brinquedos, Material escolar e até comida para crianças carentes. Funciona assim, (vou relatar minha experiência, pois já tenho essa prática há alguns anos)...tu vai até a agência dos Correios e escolhe a cartinha de alguma criança para "adotar", a escolha é livre, cada um doa conforme suas condições. Pode ser adotada uma cartinha, ou várias cartinhas! Depois basta tu levar tua doação até uma agência dos Correios com o nome da criança! É simples, e assim tu estará sendo o "Papai Noel" de alguém que precisa!






Para quem se interessou em ajudar, posto aqui o link http://www.correios.com.br/papainoelcorreios2011/index.cfm


Quem quiser ler uma pouco mais sobre isso, aproveite e leia esse link, sobre um garoto que pediu 2 cestas básicas para o Papai Noel: http://g1.globo.com/parana/noticia/2011/11/queria-arroz-feijao-e-batatinha-diz-garoto-que-pediu-cesta-basica-no-natal.html
Infelizmente nem todos possuem as mesmas mesas fartas!



Um abraço a todos e espero que também colaborem! Sei que no Natal Gaúcho a figura do Papai Noel não está presente, mas vale deixar passar para fazer uma criança sorrir! :)
O Natal está chegando, distribua felicidade!

Em breve faremos postagens de como o Gaúcho comemora o Natal autêntico do Rio Grande do Sul


Maira Rodrigues

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Concurso "Um Click na Tradição" - 12 melhores Fotografias


1º lugar  - Tessalha Paim, Vacaria


2º lugar - Jeandro Garcia, Gravataí

3º lugar - Maurício Montano, São Leopoldo



E agora, de forma aleatória!













]
























































Montando a exposição!
Com a ajuda valiosa do Nathan, Luiz e Lourenço! 
Assim que tivermos mais fotos, acrescentamos!
Eles se enconderam :)



A Premiação!

Categoria Vídeo - Cézar Tomazzini Liscano

2º lugar Fotografia - Jeandro Garcia




Os outros laureados com prêmios - Tessalha Paim e Maurício Montano não puderam comparecer ao ENART, por isso iremos enviar seus troféus por correio! Não se preocupem! :)


Obrigado a todos que prestigiaram nossa iniciativa! 
Sucesso para a cultura do Rio Grande!

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Vídeo Vencedor do "Um Click na Tradição"


Com bastante orgulho anunciamos hoje o vídeo ganhador de nosso Concurso: Enviado por Cesar Tomazzini Liscano, que já foi Coordenador da 1ª Região Tradicionalista e presença atuante no Tradicionalismo. 

Ele já estava acostumado com as câmeras!
O vídeo enviado é uma homenagem à Semana Farroupilha de 2008, que tinha como tema "Nossos Símbolos, nosso Orgulho" e traz belas imagens das Comemorações alusivas ao 20 de setembro.

Postamos o vídeo aqui para que todos possam apreciar...

Parabéns Tomazzini e até Santa Cruz!

As fotos ainda são surpresa, aguardamos todos os amigos em nossa Exposição!



Chegou a hora! ENART


É chegado o momento pelo qual muitos tradicionalistas lutam o ano inteiro - o ENART. São as danças, declamações, trovas, versos, Mostras, enfim...A arte gaúcha se encontra em Santa Cruz do Sul. Finalmente, é chegada a hora!




Para quem já está lá e quem está para viajar, desejamos boa sorte...sabemos o quanto é difícil essa jornada, mas parabéns: Você chegou lá!




Dessa maneira, escolhemos um vídeo (da Internet mesmo) de motivação, para que todos que assistam, saibam o valor de suas conquistas...a música não é gaúcha, mas a intenção supera esse detalhe! Veja com carinho e saiba que temos orgulho de todos!


Sucesso! É o que desejamos...


Prendas e Peões do Rio Grande do Sul

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Convite da Exposição - Um Click na Tradição



Não percam no ENART a exposição das fotografias selecionadas em nosso Concurso, lembramos que as três melhores serão premiadas.

O vídeo vencedor estará sendo divulgado em nosso Blog a partir de amanhã!

Parabéns a todos que participaram! Até o ENART!

Retorno do Blog - Primeira Mulher à Frente do Pioneiro


A policial militar e professora de história Márcia Borges da Silva, de 37 anos, foi eleita nesta semana a primeira mulher 'patroa' do 35 CTG, no RS (Foto: Jefferson Botega/Agência RBS)A policial militar e professora de história Márcia Borges da Silva, de 37 anos, foi eleita nesta semana a primeira mulher 'patroa' do 35 CTG, no RS (Foto: Jefferson Botega/Agência RBS)


Depois de uma temporada de "folga" nosso blog volta à ativa. De início peço desculpas aos nossos amigos, pois estive com alguns problemas de saúde na minha família e depois precisei "recarregar as baterias" criativas. Voltamos ao nosso ritmo com a promessa de não medir esforços para continuar levando sorrisos aos nossos leitores!

Dessa maneira, voltamos com essa incrível notícia: A Primeira Mulher a assumir a Patronagem do Pioneiro "35" CTG - Márcia Borges, amiga de longa data e tradicionalista da melhor qualidade, prestamos aqui nossa homenagem a ti, que com muita garra e merecimento assume esse posto. Desejamos a ti toda a sorte do mundo!

Com muita humildade, sei que meus dotes de escritora não são tão bons quanto os dos jornalistas, transcrevo aqui a matéria que está no G1, site de notícias da Globo, sobre essa pauta, de Daniel Buarque, do G1:


Uma mulher vai assumir em dezembro o principal cargo do "35 CTG", Centro de Tradições Gaúchas pioneiro na história do tradicionalismo organizado no Rio Grande do Sul. A policial militar e professora de história Márcia Borges da Silva, de 37 anos, foi eleita nesta semana a primeira mulher "patroa" da entidade fundada em 1948 e até agora liderada apenas por homens.
"Tenho certeza de que este cargo abre muitas portas para outras mulheres", disse a patroa-eleita, em entrevista ao G1. "Outras mulheres haviam assumido cargos de importância em CTGs, mas estar neste centro pioneiro tem muita relevância", explicou. Depois de 63 anos existência e de ter tido 31 patrões, o 35 CTG elegeu Márcia por uma diferença de 15 votos (68 votos a 53), apostando no que foi visto como um "choque de modernidade".
Márcia contou que faz parte do 35 CTG desde os 5 anos de idade. "Cresci ali dentro", disse. Ela contou que enfrentou preconceito quando apresentou sua candidatura a patroa, especialmente logo no início da campanha. "Com o tempo isso foi se amenizando, pois todos me conheciam dentro do CTG, onde eu era há oito anos responsável pela área cultural", disse.
Além da questão de gênero, Márcia disse que o principal tema de sua campanha foi uma proposta de "mudança" e de resgate de tradições para atrair de volta sócios que se afastaram do 35 CTG.
"Tive vontade de concorrer a patroa, até porque nenhuma mulher nunca tinha concorrido a este cargo, e montei uma proposta de mudança, buscando resgatar valores do homem do campo, como trabalho, respeito e hospitalidade. Queremos resgatar bailes, trazer gente nova para o CTG e ajudar a preservar nossa cultura", disse. Segundo ela, o 35 CTG tem 800 sócios, mas apenas 200 deles participam ativamente. "As pessoas foram se afastando, e queremos atrair elas de volta com a promoção de atividades e eventos", disse.
Para Luiz Carlos Maffei, atual patrão do 35 CTG, a eleição da primeir patroa da entidade é mais um sinal de que as mulheres estão ganhando espaço em todo o país. "Temos uma presidente mulhers, porque não mais uma líder no CTG", disse, em entrevista ao G1. Segundo ele a vitória de Márcia foi vista "com tranquilidade", e ajudou a dar mais ênfase ao CTG. "Começamos 35 CTG como uma reunião de homens, mas aos poucos as mulheres foram ganhando espaço."
Maffei já está encerrando seu segundo mandato como patrão do 35 CTG. Ele passa a liderança da entidade no final de dezembro.
Parabéns Márcia, tu merece!
Maira Rodrigues - 3ª Prenda do Rio Grande do Sul

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Lembrete do Douglas! Carreta da Solidariedade





É o seguinte, esse final de semana vai acontecer o 45º Aniversário do nosso MTG, e o Tchencontro da Juventude Gaúcha, com a finalidade de enaltecer os Festivais de nosso Estado!
Junto com esses dois Eventos, estará acontecendo mais uma Arrecadação da Carreta da Solidariedade, que tem como objetivo a arrecadação de alimentos, roupas, para ajudar quem precisa.
Cabe a nós a juventude desse Rio Grande, mostrar que além de preocupados com nossa cultura, estamos preocupados, com a parte social do solo gaúcho!
Tragam algum alimento, alguma roupa que não usam mais, para favorecer nossos amigos!
Com a certeza da colaboração de vocês, deixo aqui um forte quebra-costelas!

Douglas Uilliam de Quadros da Silva
Peão Farroupilha do Rio Grande do Sul

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Blog Turma da Anita





Trazemos aos amigos mais dica de como enaltecer ainda mais a nossa Tradição, mas dessa vez, voltada especificamente para os pequenos! 

O Blog Turma da Anita, da criativa Vivian Machado traz inúmeras atividades para as crianças e fala de tradição na linguagem delas, além de ser muito alegre e divertido. São brincadeiras, passa-tempos, curiosidades, enfim material mais do que suficiente para entreter a gurizada e despertar nos pequenos o amor pelas coisas do Rio Grande.
Olha a Anita abraçadinha na Vivian!





Quem melhor para falar da Anita do que ela mesma? Trazemos aqui a Anita para convidar a todos para que conheçam seu Blog:


Sou uma guria de 09 anos. Nasci e vivi até os 08 anos em Alegrete (interior do estado do rs). Carrego comigo a simplicidade da vida no campo, adoro correr de pé descalço, ordenhar e beber o leite da vaca, o cuidado com os animais, o plantio, as brincadeiras típicas de nossa região: a boneca de pano, três marias, a sapata, o pião e o sotaque do interior.


Amo montar no meu cavalo minuano e sair campo a fora.
O domingo é um dia muito alegre, os familiares e amigos nos visitam fazemos uma roda de chimarrão e churrasco.
Eu e meu primo bentinho sempre corremos, livres no sítio onde moramos. Somos par ao dançar o fandango.
Fui eleita a 1ª prenda mirim do CTG, e a faixa teve um significado especial: representar as tradições do nosso povo! Que orgulho!
Sou observadora e interessada, sempre procuro saber mais sobre as culturas regionais de todo o brasil;
Minha mãe, ana, me ensina a história e a cultura gaúchas com zelo e dedicação, pois como educadora de séries iniciais tem todo o conhecimento necessário para tal.
Por onde eu passo faço amizades.
Promovo ações sociais para combater aquilo que considero injusto.
No último inverno em que eu morava em alegrete, mobilizei as crianças e seus familiares, para que doassem agasalhos para moradores de uma comunidade da região que foi alagada pela alta do rio ibirapuitã. Foram tantas as ações que as minhas ‘aventuras’ ficaram conhecidas até nas cidades próximas, saiu matéria no jornal e até ganhei uma medalha do prefeito, surgindo então a idéia de criar um site para interagir com a gurizada, assim nasceu:http://www.turmadaanita.com.br/

Sou estudiosa, adoro as aulas de educação física e informática, mas confesso que adoro um soninho a mais e tenho preguiça na hora de levantar da cama quentinha para estudar de manhã.

Certo dia, meu pai foi transferido e nos mudamos para a capital dos pampas: porto alegre. Meu primo bentinho veio junto e o cavalo minuano não poderia ficar para trás.
Meus irmãozinhos gêmeos nasceram em porto alegre.

Nossa nova moradia é em um sítio na zona sul.

Senti de imediato algumas diferenças entre o interior e a capital:
As crianças, geralmente, andam acompanhas de adultos, não andam pilchados, somente na semana farroupilha ou dentro dos centros de tradições gaúchas.
As pessoas são mais individualistas, não se cumprimenta com um “bom dia” a quem não se conhece.
As crianças gostam mais de brinquedos eletrônicos e muitas nunca andaram a cavalo.

Sou apaixonada por bichos! Em um domingo, estava em um parque passeando com minha família e encontrei uma cachorra sem raça, abandonada, bem machucada, coitadinha!
Pedi aos meus pais que a socorressem.
Papai, pegou a cachorra e a levou á uma veterinária.
A cachorrinha passou a ser integrante da família, foi levada para o sítio e batizada como cusca, ficando aos meus cuidados.

Ah! Por esses dias, encontrei na bananeira da minha casa, um macaquinho falante que se chama tião! Mais um amigo!

Fica a dica das Prendas e Peões do RS, conheça a Anita e faça mais amigos!

IMAMA lança campanha estadual de alerta sobre a importância da mamografia na detecção precoce do câncer de mama


Como nosso dever como cidadãos fica ainda mais latente quando nos tornamos os representantes da juventude gaúcha, nós Prendas e Peões do Estado publicamos aqui o LANÇAMENTO DO OUTUBRO ROSA, onde o Instituto da Mama do RS acompanha o movimento lançado nacionalmente pela FEMAMA. Transcrevemos aqui a matéria da Karen Horn - Usina de Notícias, que gentilmente nos enviou.


Fernanda Hahn, Defensora Pública Federal, Maira Caleffi, presidente do IMAMA, e Daniela Rosa, oncologista do Hospital Moinhos de Vento
Convidamos a todos para que leiam com muita atenção essa postagem!

O IMAMA – Instituto da Mama do RS lança oficialmente no Rio Grande do Sul o Outubro Rosa 2011, nesta terça-feira, 18 de outubro, data em que também se comemora o Dia do Médico. E o dia escolhido não poderia ser mais apropriado, uma vez que o movimento mundial Outubro Rosa tem como objetivo principal alertar sobre a importância da mamografia na detecção precoce do câncer de mama. O evento se caracteriza, primordialmente, por colorir de rosa – cor símbolo da luta contra o câncer de mama – ambientes de acesso público.

Neste ano, a campanha “Faça por mim” lançada pela FEMAMA – Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio à Saúde da Mama, que realiza o evento nacionalmente, tem como foco a detecção precoce da doença, sendo dirigida, especialmente, às mulheres e às pessoas com as quais elas convivem. “É importante fazermos esse alerta no Rio Grande do Sul, em especial, na capital gaúcha, uma vez que Porto Alegre lidera no ranking de incidência da doença, tendo mais que o dobro do número de casos que a média nacional. São 127 casos a cada 100 mil mulheres, enquanto que no Brasil, são 49 casos, segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA)”, afirma a médica mastologista Maira Caleffi, presidente do IMAMA e da FEMAMA. Na cidade, a doença é considerada a primeira causa de óbito nas mulheres em idade fértil e a segunda em todas as faixas etárias.

Campanha – Para mudar essa realidade em todo o país, a proposta da FEMAMA, seguida pelo IMAMA no estado gaúcho, é a de envolver toda a comunidade em torno não só do entendimento acerca da importância do diagnóstico precoce do câncer de mama, mas, também - e principalmente - incentivar as mulheres a terem uma atitude em relação a isso. “O exame de mamografia detecta com grande margem de segurança um tumor no seio antes que se possa sentir o nódulo e, se realizado na fase inicial da doença, aumenta em aproximadamente 95% as chances de cura”, explica Maira Caleffi. Mas é importante iniciar o tratamento em, no máximo, 30 dias após o diagnóstico.
Com o conceito “Mamografia. Se não fizer por você, faça por mim”, a campanha criada voluntariamente pela agência G2 Brasil, de São Paulo, tem como meta principal romper mitos e barreiras em relação à mamografia, mostrando que a família e os amigos estão ao lado dessa mulher e são o apelo perfeito para que ela não tenha medo e faça o exame. Para alcançar esse objetivo, a G2 Brasil criou filmes para TV e spots para rádio que estão sendo veiculados nas redes de Comunicação, além de anúncios para publicações nacionais e peças gráficas.

 Controle da doença - De acordo com Maira Caleffi, para transformar o cenário atual do câncer de mama no Brasil é preciso a união de esforços entre o poder público e privado com a sociedade civil para que seja oferecido um tratamento de qualidade em todo país. Assim, a FEMAMA e o IMAMA defendem que 100% dos serviços de saúde pública e suplementar estejam capacitados e certificados para o controle do câncer de mama.
As entidades lutam também para que a cobertura mamográfica no Brasil atinja pelo menos 75% do território nacional. Isso porque, segundo dados do Ministério da Saúde, apenas 12% das mulheres entre 40 e 70 anos conseguem fazer o exame no País. “Atualmente existe uma concentração de aparelhos em apenas algumas regiões. Outros equipamentos que deveriam estar funcionando a pleno vapor estão sucateados ou não recebem uma demanda significativa. Além disso, há aparelhos que apresentam baixa produtividade”, comenta Maira.

 Região Sul - Dos 1.514 mamógrafos que realizam exame de mamografia pelo SUS, apenas 85% estão em funcionamento no País, conforme auditoria do próprio Ministério da Saúde. Ou seja, 223 equipamentos estão sem uso, 111 não têm produção, 85 apresentam defeito e 27 ainda estão na embalagem. A região sul do país, de acordo com o mesmo levantamento, possui 287 mamógrafos, sendo 130 deles no Rio Grande do Sul. Desses, 114 estão em uso e onze estão sem produção. Outros 4 apresentam defeito.
 Sobre o Outubro Rosa - O Outubro Rosa foi criado em 1997, nas cidades de Yuba eLodi, na Califórnia (EUA). Tradicionalmente, o Outubro Rosa tem sido marcado pela iluminação de prédios e monumentos em cor-de-rosa; pela pintura de muros, calçadas e bancos de praças; pela mudança de cor dos ambientes de sites de empresas e organizações em geral; e por ações de diversas naturezas que objetivam chamar atenção para a causa. Mundialmente, a campanha já iluminou a Torre de Pisa, na Itália; o Arco do Triunfo, em Paris, a Casa Branca, em Washington, e as Pirâmides do Egito.

 No Brasil – O movimento foi trazido ao país pela FEMAMA em 2008. O lançamento nacional do Outubro Rosa 2011 aconteceu em coletiva de imprensa no Copacabana Palace, no Rio de Janeiro, no último dia 04. Naquela noite, foram iluminados o Cristo Redentor e o Santuárioda Penha, ambos na capital fluminense. No dia seguinte (5), foi iluminado, pela primeira vez, o Palácio do Congresso Nacional, em Brasília.

 Atividades – Desde que foi lançado, o Outubro Rosa 2011 ganhou a adesão de dezenas de prédios e monumentos em todo o País. No RS não é diferente. O lançamento no interior gaúcho aconteceu na cidade de Bom Jesus, dia 12, com a participação de vários representantes de municípios vizinhos. Além disso, já foram iluminados os prédios da Assembleia Legislativa, do Museu Iberê Camargo e da Câmara de Vereadores. E até o final desse mês, outras entidades públicas e privadas deverão aderir ao movimento, dentre estas, o Palácio Piratini, os arcos da Estação do Trensurb, o Hospital Moinhos de Vento e o Museu da História da Medicina do RS. 

Além disso, o IMAMA planeja realizar palestras e flash mobs para chamar a atenção sobre a doença. A ação, que significa “aglomeração instantânea”, esse ano conta com 30 mulheres voluntárias, cada uma representando as 30 vidas que se perdem diariamente em função do câncer de mama no Brasil, segundo estimativas do INCA. Elas usam uma camiseta com impressão digital de um busto feminino mastectomizado, ou seja, em que uma das mamas foi retirada cirurgicamente devido a um câncer. Também contam com adereços e sombrinhas cor-de-rosa, com as quais fazem movimentos silenciosos e sincronizados em locais públicos, enquanto outras voluntárias entregam materiais informativos sobre a doença ao público presente.

 Semana do Servidor Público – Está marcada para a tarde do dia 24 de outubro evento no Palácio Piratini, em homenagem à Semana do Servidor Público, que deve reunir dezenas de colaboradores do Estado. Na ocasião, será realizada a palestra da presidente do IMAMA, Maira Caleffi, sobre a Saúde da Mama: dignidade e cidadania, dando início a uma sensibilização que deverá se multiplicar a todas as servidoras e servidores do Estado, além de profissionais terceirizados. Após a cerimônia, será inaugurada a iluminação do Palácio Piratini que ganhará as cores do Outubro Rosa. A inauguração ainda contará com a exposição Verbos para vestir, assinada por Leandro Selister.
No dia 25 de outubro, o CAFF - Centro Administrativo Fernando Ferrari também vai abrir as portas para a causa do câncer de mama, com envolvimento das Secretarias da Administração e dos Recursos Humanos (SARH) e de Políticas para as Mulheres do RS (SPM). No intervalo para o almoço dos servidores, será realizada uma ação de Flash Mob no acesso ao prédio pela Ala Sul. Ao mesmo tempo, voluntárias do IMAMA farão o convite para a palestra que deve acontecer no período da tarde, com o tema “Saúde da Mama: menos dúvida, mais vida!”, a ser realizada numa tenda que deve ser montada para a Semana do Servidor Público.

 Pioneirismo - Numa atividade pioneira no Brasil, o movimento promovido pelo IMAMA ganhou no estado gaúcho o engajamento da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes seccional Rio Grande do Sul (Abrasel RS). A entidade está incentivando os proprietários dos estabelecimentos associados a iluminar as fachadas com a cor rosa e os colaboradores estão recebendo orientações para falar aos clientes sobre a proposta do Outubro Rosa e a importância da detecção precoce da doença. Até o momento, dezenas de associados da Abrasel RS já aderiram ao movimento.

 Olímpico – No final do mês, o estádio Olímpico, em Porto Alegre, também receberá o movimento Outubro Rosa. Voluntárias do IMAMA estarão distribuindo impressos sobre a causa, realizarão um flash mob no estádio antes da partida entre Grêmio e Flamengo, dia 30 de outubro.O público presente poderá adquirir as camisetas da entidade. O objetivo é alertar aos homens, maioria do público presente, uma vez que eles também podem ajudar a sensibilizar as mulheres (mães, irmãs, tias, filhas, vizinhas, amigas e colegas de trabalho) sobre a importância do diagnóstico precoce. Além disso, lembrá-los de que os homens também podem ter a doença, numa escala bem menor, para cada 100 casos, um é masculino, segundo o INCA.

 Números da doença - Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), o câncer de mama é a maior causa de óbitos por câncer na população feminina, principalmente na faixa etária entre 40 e 69 anos. O INCA estima que este ano cerca de 50 mil mulheres vão ter câncer de mama no país, sendo que o Rio de Janeiro é o estado brasileiro com o maior número de casos da doença, seguido pelo Rio Grande do Sul e São Paulo.
Conforme informações da ONG americana Susan G. Komen for the Cure, a cada 24 segundos é diagnosticado um caso de câncer de mama no mundo. A cada 68 segundos, uma mulher morre devido a esta doença. Mais da metade dos casos acontece em países em desenvolvimento.
 IMAMA - O IMAMA é uma organização sem fins lucrativos, reconhecida pelo Ministério da Justiça como OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público), que atua diretamente nos processos de educação, reabilitação, articulação e mobilização social em favor da saúde da mama. Outras informações no site www.imama.org.br ou pelo telefone 51 3264 3000.

Parceiros do Outubro Rosa 2011 - Centro Clínico Gaúcho, Dia Rosa, CORAG, Abrasel, Peppo Cucina, Fazzoletti, Jorge Scherer, D`VIE, Bonnetterie Tricot, IGUATEMI e Banrisul.

Palestra da Dra. Maira


Dra. Maira Caleffi, Presidente do IMAMA
Nós gaúchos temos o dever de auxiliar nessa campanha e participar dessas iniciativa, bem como cuidar de nossa saúde, evitando assim que mais pessoas sofram com o diagnóstico tardio dessa doença! Vamos nos unir em prol dessa causa!

terça-feira, 18 de outubro de 2011

18 de outubro - Dia do Médico - Medicina Campeira


No dia de hoje se comemora o dia desse profissional que é tão importante para nossa sociedade: o médico.

Contudo, a prática profissional desse ofício nem sempre esteve presente...quantos gaúchos vieram a este mundo pelas mãos cuidadosas de parteiras, ou foram curados por emplastros e benzeduras? Por isso dedicamos esta postagem também à prática povoeira dessa profissão.

A medicina intuitiva praticada pelo homem simples do povo é uma das manifestações folclóricas mais antigas e difundidas de todo o universo. não há povo que não a pratique.



No Rio Grande do Sul, além do curandeiro, em determinadas localidades da região missioneira opera a figura do mandraqueiro, que combina receitas medicamentosas com práticas mágicas, preponderando nessas as simpatias, orações e benzeduras. Na região central encontramos a figura do bruxeiro e em todo o território gaúcho são imprescindíveis as figuras dos capelões e capeloas, puxadores de terços e que praticam simpatias.

Na listagem dos profissionais não podiam faltar os "especializados". Na região de colonização italiana proliferam os justa ossi (arrumadores de ossos), que não só tratam de quebraduras ósseas, como também de deslocamentos de ossos, torções, torcicolos, maus jeitos e outros casos de traumatologia. 

Ainda um trecho interessante do Livro "Medicina Campeira e Povoeira" explica o porquê dessa medicina intuitiva e improvisada:

Ditas proposições, que foram aprovadas, registram um fato que era muito comum em diversas cidades brasileiras ainda em passado não muito remoto: a falta de médicos, o que favorecia a proliferação doas chamados curiosos, como nos casos acima apontados - uma parteira que, embora afirmando não ser curandeira medicava e um boticário que, frequentemente, deixava de atender sua botica pela necessidade de ausentar-se da mesma a fim de visitar seus doentes. Uma e outro praticavam a medicina sob os olhares complacentes e compreensivos das autoridades seguramente adeptas do conhecido ditado:

"quem não tem cão, caça com gato"

Com um pouquinho de medicina do nosso Folclore, desejamos a todos um 

Feliz Dia do Médico


Fonte: Medicina Campeira e Povoeira, Hélio Moro Mariante